Na despedida, Marcelo Moreno agradece o apoio da torcida celeste

|

Da Toca II

João Marcos Dias






Foto: Arquivo/Cruzeiro

O atacante Marcelo Moreno concedeu na sala de imprensa da Toca da Raposa II, na noite desta terça-feira a última entrevista coletiva como jogador do Cruzeiro. O jogador negociado com o Shakhtar Donetsk falou da decisão de jogar na Ucrânia e lembrou dos momentos vividos na meteórica passagem pelo time celeste, de apenas 14 meses.


O boliviano refletiu muito antes de assinar na manhã desta terça-feira o contrato de cinco anos com o Shakhtar. Até uma visita na semana para conhecer a cidade de Donetsk e a estrutura do rico clube do Leste Europeu foi necessária para convencê-lo.



"Na verdade eu pensei muito sobre sair neste momento para fora do País. Sou novo e tenho tudo para conseguir um bom desempenho. Foi muito importante para mim conhecer Donetsk e a estrutura do clube para mudar de opinião e aceitar a proposta", afirmou.


Perguntado sobre o que leva de melhor nos período em que vestiu a camisa celeste, Marcelo Moreno não teve dúvida em apontar a reação com a torcida. Ele citou o apoio recebido mesmo antes de se firmar na equipe e virar ídolo.


"Foi muito difícil para mim chegar aqui e conseguir jogar. E o que levo de lembrança é o apoio que recebi dor torcedores desde o início. Tenho um carinho muito grande pela torcida do Cruzeiro, que me recebeu de braços abertos e me apoiou sempre. Vou sentir saudades e espero conseguir lá na Ucrânia o mesmo carinho", observou.


Ao mesmo tempo em que embarca para alcançar a independência financeira, Moreno acha que deixará para trás uma boa oportunidade de conquistar o Campeonato Brasileiro. O centroavante diz que o Cruzeiro é um dos favoritos ao título.


"O Clube tem um grupo muito bom. Tem jogadores que prometem muito. Se a gente continuar fazendo o que vem fazendo, eu colocaria o Cruzeiro como campeão Brasileiro, porque tem um excelente elenco", afirmou Moreno.


O ex-camisa 9 celeste avalia que o Cruzeiro não terá problema para encontrar um substituto à altura e "elege" Guilherme como novo candidato a ídolo do torcedor.


"O Cruzeiro tem a característica de contratar bons atacantes e conta com um excelente elenco. Espero que o Guilherme continue ajudando o time como vem fazendo. Que este ano ele tenha a seqüência de jogos que tanto queria. E que os atacantes vistam a camisa do Cruzeiro como se deve, com raça, vontade e determinação", ensinou.


Moreno sai e deixa as portas da Toca da Raposa abertas. "Até brinquei com o (presidente) Alvimar (de Oliveira Costa) que meu contrato com o Shakhtar acabará quando eu tiver 25 anos. Quem sabe eu não volto ao Cruzeiro para matar a saudade e vestir a camisa azul novamente", afirmou o atleta que completará 21 anos em junho.



Moreno se apresentaria ao novo clube no dia 17 de junho, mas a convocação para os jogos da Bolívia contra Chile e Paraguai, nos dias 15 e 18 de junho, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, adiou a mudança para Donetsk para o dia 20.

Fonte:Site Oficial Do Cruzeiro

2 comentários Eternos:

Düff disse...

Amigo percebi que meu banner é o único em layout centralizado passe em meu blog e pegue o banner com layout livre. Abraço

FutMinas disse...

Quer VOLTAR a discutir sobre o futebol mineiro, de maneira rápida, fácil, segura e sem burocracia? Está no ar o FutMinas. Cobertura das rodadas, e muita informação sobre os clubes mineiros. Acesse: http://futebol.arleyjunior.net/

Divulgação MASTER!